fbpx

01 jul
Como ter mais foco e concentração no trabalho e estudos?

Confira as dicas!

Você está sentado em frente ao computador. No navegador, várias abas abertas para ajudá-lo na produção do job. Minutos se passam. De repente, você se dá conta: estava sonhando acordado e nem sabe dizer há quanto tempo estava assim. Ter concentração é uma dificuldade para você?

Todos nós sabemos o quanto a concentração no trabalho é fundamental para desempenhar um bom papel dentro das organizações. Estar inteiramente focado nas ações que precisa cumprir pode ser um fator-chave do sucesso para muitos profissionais que querem se destacar.

A concentração mental consiste em um processo psíquico capaz de voltar toda a atenção a determinada atividade. É uma característica fundamental, pois nos ajuda na aquisição de conhecimento, nos estudos e na produtividade do trabalho.

Uma pesquisa da Harvard Business Review, que fez parte do livro The Mind of The Leader (A Mente do Líder), mostrou que 73% dos líderes no ambiente empresarial ficam distraídos na maior parte do tempo da sua rotina de trabalho.

Além disso, 65% responderam na pesquisa que não conseguem concluir suas tarefas. Isso é a comprovação de que a falta de concentração no trabalho afeta diretamente a produtividade.

Por isso, a seguir, confira as melhores dicas para ter mais foco em suas produções!

 

1- Faça uma coisa de cada vez

Quando um profissional faz muitas coisas ao mesmo tempo, como responder e-mails, preencher relatórios e planejar reuniões, é provável que a produtividade diminua e ele perca totalmente o foco.

Essas trocas causam distrações, perda de produtividade e de tempo.

Por isso, tente se concentrar para realizar as tarefas uma de cada vez. Terminar uma e passar para a próxima vai eliminar distrações – como tarefas de menor prioridade que você insiste em fazer rapidamente em meio a grandes tarefas.

Uma ideia é fazer uso da matriz GUT, uma ferramenta que auxilia na priorização de problemas. Ela consiste em classificar cada tarefa de acordo com a:

 

gravidade: impacto que o problema terá, em médio e longo prazo, caso não seja resolvido;

urgência: o prazo disponível para a solução;

tendência: o potencial que o problema tem para crescer com o passar do tempo.

Para cada um desses componentes, estabeleça uma nota de 1 a 5, sendo a mais alta a mais potente. Depois, multiplique os fatores e compare os resultados.

 

2 – Crie metas e objetivos realistas

Todos precisamos de metas diárias, pois elas guiam nosso trabalho. Ainda que o job tenha um deadline grande, defina a quantidade de produção para cada dia. Contudo, tais metas precisam ser realistas, pois, do contrário, a tendência é a procrastinação.

 

Além disso, ao trabalhar com pequenos objetivos e vê-los sendo alcançados, temos mais inclinação à motivação. Com isso, ficamos mais empenhados a continuar.

 

Resumindo: a palavra-chave aqui é planejamento. Ele torna tudo mais prático e ainda nos ajuda a perceber quando dizer “não” para aquele projeto que chegou em cima da hora e nos deixaria noites sem dormir para dar conta de entregar tudo.

 

3 – Estabeleça pequenos objetivos ao longo do dia

Com pequenas vitórias, a concentração no trabalho pode ser multiplicada. Por isso, crie um cronograma de pequenos objetivos, desde terminar uma tarefa ou até passar 1 hora inteiramente focado no seu espaço.

Sentindo-se psicologicamente recompensado a cada desafio superado, seu foco será ainda maior para manter esse ritmo.

 

4 – Tenha momentos de descanso e pausas programadas

Estudos mostram que a produtividade aumenta quando fazemos pausas regulares no trabalho.

Ao dividir suas tarefas em partes, é mais provável que você permaneça focado e mantenha seu cérebro envolvido no que realmente precisa.

O método Pomodoro é uma ferramenta de gestão de tempo que preconiza essas interrupções. Ele se baseia em dividir o fluxo de trabalho em blocos de concentração intensa. Na técnica tradicional, a sugestão é focar por 25 minutos e, depois, descansar por 5. A cada 4 ciclos fazendo isso, deve-se dar uma pausa maior, em torno de 15 minutos.

 

5 – Evite acompanhar as redes sociais

Hoje em dia é muito fácil se distrair com as redes sociais. Quando o telefone toca no seu bolso, é quase impossível ignorar a notificação do Facebook ou do Instagram.

E antes que você perceba, já passou um bom tempo vendo coisas desnecessárias, e nenhum trabalho foi feito.

Uma boa dica é desligar seus aparelhos durante uma tarefa importante. E se alguém realmente precisa entrar em contato com você, passe o número do seu trabalho.

Assim, você fica despreocupado para deixar as distrações de lado.

6 – Beba muita água

Durante os períodos de concentração, é comum que se esqueça do seu bem-estar. Mas a melhor maneira de executar seu trabalho é ficando sempre hidratado.

O melhor caminho é definir um lembrete no seu computador para beber um copo grande de água a cada duas horas, por exemplo.

A falta de água vai fazer você se sentir irritado e mais cansado, o que é a última coisa que você vai querer quando estiver tentando se manter concentrado.

 

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar

Compartilhe com um amigo

Tags

Tem uma pergunta?
Nós estamos aqui para ajudar. Envie-nos um e-mail ou ligue-nos para (86) 3133-7070
Entrar em contato!
© 2017 iCEV Instituto de Ensino Superior