fbpx

Metodologia da Fábrica de Software

 

Dinâmica de Trabalho:

 

Em parceria com a Escola de Negócios e Gestão, a Escola de Tecnologia Aplicada está também na hub iCEV – o espaço é uma incubadora onde as ideias ganham forma e os projetos saem do papel. A aceleradora de startups é um ambiente de testes para pequenos desenvolvedores: validar as habilidades, trocar conhecimento e experiência além de fazer networking.

O curso de Bacharelado em Engenharia de Software possui como premissa básica a inserção do estudante num cenário prático desde o 1º período, usando uma abordagem de metodologia baseada em problema, colocando o aluno como participante ativo do seu processo de aprendizagem.

Partindo deste pressuposto, as Disciplinas de Seminário I e II inserem os estudantes em um ambiente prático através do conceito de Fábricas de Software, onde são apresentados problemáticas e as fábricas buscam soluções a partir das doutrinas aprendidas na Engenharia de Software.

Partindo deste pressuposto, as Disciplinas de Seminário I e II inserem os estudantes em um ambiente prático através do conceito de Fábricas de Software, onde são apresentados problemáticas e as fábricas buscam soluções a partir das doutrinas aprendidas na Engenharia de Software.
 
O que são?
Fábrica de Software são grupos organizacionais de projetos de software que visam o desenvolvimento de sistemas baseado em componentes, direcionado a modelos e a linhas de produto de software.
 
O produto final de uma fábrica de software são Sistemas computacionais, sempre buscando a geração de produtos requeridos pelos clientes, com qualidade, todavia através de entregas céleres, objetivando uma boa competitividade do mercado.
Os estudantes do 1º período na disciplina de Seminários I possuem 06 (seis) Fábricas formadas e os discentes do Segundo Período um total de 03 (três) Fábricas organizadas com as seguintes funções:
 
– Gerente de Projeto: Responsável pelo controle das atividades e recursos necessários para o projeto de desenvolvimento do produto de software, bem como o monitoramento.
 
– Engenheiro de Qualidade: Planejar e executar os procedimentos de testes dos componentes de software produzido no projeto, bem como validar e verificar a conformidade dos processos para garantia da qualidade. Além disso, realizará as seguintes funções: elaborar e executar planos de teste da sprint; identificar junto ao cliente os critérios de aceitação; registrar não conformidades identificadas durante os testes; garantir a qualidade do software.
 
– Desenvolvedor: Responsável pelo desenvolvimento dos artefatos técnicos para a construção dos componentes de software que integra o produto a ser desenvolvido.

Fábricas de Software – Seminários I
 
Fábricas de Software – Seminários II

Tem uma pergunta?
Nós estamos aqui para ajudar. Envie-nos um e-mail ou ligue-nos para (86) 3133-7070
Entrar em contato!
© 2017 iCEV Instituto de Ensino Superior
Esse domínio pertence ao Grupo Educacional Superior CEV
CNPJ: 12.175.436/0001-09